Oráculo project

Oi, gente!

foto do instagram do projeto.

Temos feito vários posts com pequenas entrevistas, então aqui vai mais um! Entramos em contato com o Oráculo project e fizemos algumas perguntinhas para ele.

O Oráculo é anônimo, não tem nome ou sobrenome. Ele vive atualmente no Rio de Janeiro e trabalha com arte, de acordo com ele, “muito amor e um pouco tinta… e procuro fazer a diferença”.

Como surgiu a ideia para o projeto? “O projeto surgiu a partir da ideia de poder usar a arte de rua como arma para manifestar sentimentos de indignação. O tema ‘ficha limpa’ foi a primeira ação do Oraculo em 2010 quando eu ainda trabalhava junto com um outro artista, também co-fundador do projeto. No instagram que foi criado no ano passado postei os registros que tinha das ações na ordem cronológica…”

oraculo
https://instagram.com/p/4ulDTCj43f/?taken-by=carlymachado

Por que você escolheu colocar a intervenção no chão e não nos muros, por exemplo? “O projeto tem várias ações, várias causas diferentes… a intervenção do chão que vocês estão se referindo é uma intervenção poética camuflada no cenário urbano, a ideia era o stencil ser como um ‘espaço’ ou uma ‘casa’ de um jogo de tabuleiro como ‘o jogo da vida’ ou ‘banco imobiliário’, porém da vida real, mas nesse caso ao invés de ganhar um hotel ou R$300.000,00 o Oráculo te convida a viver 1 minuto e perceber e ser grato a o quanto esse mundo é fantástico e mágico…. o ar, o vento, as pessoas, o mar, etc… por isso o stencil no chão.”

Por que o nome é “Oraculo project”? “O oráculo é a caráter de significado etmológico, a resposta dada por uma divindade a uma questão pessoal através de artes divinatórias. Por extensão, o termo oráculo por vezes também designa o intermediário humano consultado, que transmite a resposta e até mesmo, no Mundo Antigo, o local que ganhava reputação por distribuir a sabedoria. O nome foi escolhido a dedo.”

oraculo 2
foto do instagram do projeto.

Por que você decidiu manter o Oráculo anônimo? “Não acredito que as ações do oraculo possam ser consideradas um ato de vandalismo… O projeto é basicamente só amor, e um pouquinho de tinta. O anonimato acontece simplesmente porque o Oraculo representa todo e qualquer cidadão… aquele que sentou ao seu lado no ônibus, aquele que estava na sua frente na fila do banco, o que atravessou a rua junto com você na faixa de pedestre, ou o último que que te pediu uma informação.”

Qual a importância dele para você? E para a cidade? “O projeto tem grande importância pra mim… dedico muito amor a esse projeto, invisto muito do meu tempo, troco energia e faço acontecer. Sendo anônimo o projeto, eu não recebo créditos por nada do que faço… a única coisa que recebo é energia que troco com as pessoas, feedback, mensagens e sorrisos… e isso já é suficiente pra mim. Projetos de arte de rua a cidade está cheia… desenhos, cores, letras e personagens… sem desmerecer nenhum outro projeto, pois todos tem o seu valor e o seu papel na cidade, mas acredito que o Oráculo tem algo a dizer… seja com a ação de gratidão (os “stencils” no chão que vocês comentaram), seja com a ação das árvores cortadas… acredito que essas ações tocam as pessoas a ponto de fazer a diferença em como elas veem as coisas, no pensamento das pessoas e assim, de alguma maneira venha fazer a diferença na cidade… e acreditar nisso também faz a diferença pra mim. Poesia pura.”

11739530_861216747299747_239195443_n
em Ipanema, no Rio de Janeiro.

Qual é a sua intenção com o projeto? “As ações do Oráculo tem a finalidade de levantar questões que são esquecidas ou passam despercebidas na correria do dia a dia e no stress da vida moderna aonde somos bombardeados de informação todo o tempo. A intenção é usar a arte de rua, para fazer a diferença, seja ela qual for.”

Que efeito ele tem nas pessoas? “Essa pergunta eu deixo para vocês responderem…”

(Analu) Eu não conhecia as outras iniciativas do projeto até pesquisar mais sobre ele, mas eu vi um dos stencils pela primeira vez no tumblr ano passado, se eu não me engano, e mesmo antes do Móbile na Metrópole eu já achei a ideia tão linda!! Me fez abrir um sorriso enorme! Esse ano eu vi de novo algumas imagens no instagram e o meu sorriso foi ainda maior (e continua sendo cada vez que aparece outra imagem). Eu acho que essas frases relativamente simples são uma quebra no cotidiano que acaba mudando um dia inteiro. Depois de ter visto várias fotos, eu viajei para o Rio de Janeiro e acabei encontrando um monte de stencils, me deixou tão feliz!

(Rafa) Eu vi uma vez um stencil deles no Parque Ibirapuera. Inclusive, acho que alguém de algum grupo postou uma foto desse no Instagram ou algo do tipo. A intenção do projeto é impecável e as palavras do Oráculo de nos convidar a viver por um minuto exemplificam perfeitamente aqueles segundos que te tiram do lugar comum e te fazem mais humano, como a gente tem dito desde o começo do projeto. Acho que o Oráculo já disse tudo que era necessário além das palavras que os stencils trazem pra gente, fazendo dias cinzas ficarem coloridos!

Mais um projeto com um efeito incrível nas pessoas (pelo menos na gente) para vocês acompanharem e esbarrarem por aí. Que o Oráculo traga muitos sorrisos para todos vocês!

Informações: instagram, facebook

Poesia agora

Oii!

Continuando a ideia desse post eu vim dar outra dica do que fazer em São Paulo.

IMG_0012
(http://jornalplasticobolha.blogspot.com.br/2015/06/abertura-da-exposicao-poesia-agora.html)

Estando cada dia mais apaixonada por poesia, descobri uma exposição que parece ser incrível. A “Poesia agora” está acontecendo no Museu da Língua Portuguesa e tem como objetivo criar espaço para poetas contemporâneos pouco conhecidos. São quase 500 poetas vindos de todas as partes do Brasil e de outros países também. Os poemas são apresentados ao visitante e este é estimulado a criar seus próprios (achei a ideia tão legal!).

Para isso, existem várias instalações interativas, nas quais a poesia aparece tanto em livros quanto de forma mais inusitada, por exemplo nos espelhos do banheiro.

Não vou falar de todas as instalações, até porque eu ainda não fui, mas pesquisando um pouco teve uma que me deixou muuuuito animada (e tem tudo a ver com o nosso tema): a Sala Poesia de Rua! Ela possui imagens de expressões poéticas, grafites, cartazes entre outras intervenções poéticas captadas pelas ruas de São Paulo e de outras cidades. O mais legal de tudo é que você pode participar enviando imagens de versos escritos pela cidade para o email participepoesiaagora@gmail.com!

Espero que vocês se interessem tanto quanto eu. Quando eu tiver a oportunidade de ver a exposição eu com certeza vou contar como foi pra vocês!!

Este slideshow necessita de JavaScript.

Informações:

Local: Museu da Língua Portuguesa

Data: de 23 de junho a 27 de setembro, de terça a domingo, das 10h às 18h

Entrada: R$ 6 e R$ 3 (meia entrada). Grátis aos sábados

Analu

Encontro: arte urbana

Oi, gente!

Considerando que eu não vou viajar, vou tentar postar bastante coisa aqui, inclusive dicas de coisas para fazer para aqueles que também vão ficar em São Paulo.

Então aqui vai a primeira:

No dia 4 de julho vai acontecer, no Alanna Corpo, Mente e Alma, um bate papo sobre arte urbana a partir das 16h. Os artistas paulistanos A carlota, Felipe Bit, Vander Che, Ignoto e a chilena Monica Ancapi farão um bate papo sobre o atual momento da arte urbana em São Paulo.

Os temas abordados partirão da trajetória de cada artista e seguirão de acordo com a participação das pessoas, abordando graffiti, pixação e a arte que tem como suporte a rua.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Informações:

Local: Alanna Corpo, Mente e Alma, Rua Monte Serrat, 831- Tatuapé

Data: 04/07 (sábado) das 16:00 às 18:00

Entrada: gratuita

Analu